Publicidade

Barbagiuan – o prato predileto dos monegascos

Fortemente influenciada pela culinária francesa, por estar localizada na Riviera Francesa (sul da França), a cozinha monegasca também oferece todas as delícias da culinária ocidental, já que seus hotéis trabalham basicamente com as três mais influentes gastronomias do mundo: a francesa, a italiana e a espanhola. A especialidade e o prato predileto dos monegascos é o Barbagiuan, que nada mais é do que um pastelzinho frito ou assado de acelga, arroz, ovo e queijo.

Mãos a obra e bom apetite.

INGREDIENTES

MASSA:

  • 500g de farinha de trigo
  • 1 colher de café de fermento químico
  • ½ xícara de azeite puro de oliva
  • 1 colher de café de sal
  • 1 xícara de água
  • óleo de soja para fritar (quanto baste)

RECHEIO:

  • 1 ovo cozido
  • ½ acelga
  • 1 xícara de arroz cozido
  • 100 g de muçarela ralada

MODO DE PREPARO:

Coloque numa tigela a farinha, o fermento e o sal. Acrescente o azeite e a água e misture até a consistência de massa. Espalhe numa superfície com farinha e corte em discos a massa.

Para o recheio pique a acelga e o ovo cozido. Rale a muçarela e reserve. Misture o arroz já cozido aos outros ingredientes do recheio e recheie a massa de pastel com esta mistura. Frite em óleo bem quente e viaje nos sabores de Mônaco.

Chef Arnaldo Lafuente Jr
Formado em Gastronomia pela Universidade Católica de Santos – UNISANTOS;
Pós-Graduado em Gestão Empresarial Estratégica pela Universidade Católica de Santos – UNISANTOS;
Atua na área de alimentos e bebidas desde 1994;
Sócio e consultor multi-disciplinar da empresa Bem Estar Consultoria Gastronômica desde 2005;
Sócio e chef de cozinha da Cervejaria do Neco – Boteco Gourmet;
Autor do livro BARES E RESTAURANTES, DESVENDANDO SEUS SEGREDOS;

Foi dono de vários bares e restaurantes no transcorrer desses 24 anos, tais como: Restaurante San Michele di Mondovi, Bar e Restaurante Fogão Caipira, Bar e Restaurante UpTown, Bikkini Barista e atualmente é sócio e chef de cozinha do novo Cervejaria do Neco – Boteco Gourmet.

Deixe uma resposta